6 maneiras de a massagem terapêutica pode beneficiar sua saúde geral e bem-estar
Saúde

6 maneiras de a massagem terapêutica pode beneficiar sua saúde geral e bem-estar

Algumas pessoas podem pensar em uma massagem como uma simples indulgência, mas para alguns ela pode ser uma ótima ferramenta para a saúde geral e o bem-estar. As massagens são conhecidas por aliviar a dor e ajudar com a inflamação, enquanto acalmam o estresse e a ansiedade. Existem muitos benefícios práticos em tratar o corpo com uma massagem. Como a tensão persistente nos músculos e no esqueleto pode restringir o fluxo sanguíneo e os nutrientes, o tecido conjuntivo do corpo fica mais denso e causa efeitos negativos na postura e na respiração. Participar de uma massagem interromperá esses padrões indutores de estresse e ajudará o corpo a retornar ao seu estado natural de equilíbrio.

1. Alívio da ansiedade

Os psicólogos descobriram que, em média, aqueles que receberam uma massagem tiveram um nível mais baixo de ansiedade, em comparação com aqueles que não receberam a massagem. Embora haja muito pouca pesquisa científica que apóie isso, uma das explicações mais populares é que a massagem irá diminuir o nível de cortisol no corpo. O cortisol é o hormônio responsável pela resposta de luta ou fuga. As massagens podem ajudar a aliviar a ansiedade associada a eventos, circunstâncias ou ambientes traumáticos ou perturbadores.

2. Alívio da dor nas costas

Até 85% dos jovens adultos sentem dor nas costas em algum momento de suas vidas. A ligação entre massagens e o alívio da dor lombar é real. Com a dor crônica, o alarme que seu corpo está enviando está com defeito. As massagens não desligarão totalmente esse alarme, mas irão diminuir o volume do alarme, figurativamente. Uma explicação bem conhecida disso é a teoria do controle do portão. É quando o corpo está sentindo uma dor que se propaga nas fibras nervosas de pequeno diâmetro, enviando o sinal ao cérebro rapidamente. Com uma massagem, fibras nervosas maiores são estimuladas e enviam as mensagens ao cérebro mais rapidamente. Basicamente, a sensação da massagem supera a sensação da dor.

3. Alivie as dores de cabeça tensas

As dores de cabeça são causadas por tensão e massagens são realizadas para aliviar a tensão. Em particular, as massagens tailandesas são conhecidas por aliviar as dores de cabeça tensionais crônicas. A massagem aplica pressão ao longo de uma área específica usando gestos graciosos. É recomendável fazer uma massagem tailandesa duas vezes por semana durante quatro semanas para aliviar os problemas que estão associados a essas dores de cabeça. As massagens concentram-se nos ombros, na parte superior das costas, na área entre o pescoço e os ombros, nas pontas dos ombros, na parte posterior da cabeça, no meio da cabeça e na testa.

4. Reduza os sintomas de depressão

A pesquisa mostrou que os indivíduos que receberam uma massagem tiveram um nível de depressão inferior a 73% dos indivíduos que não receberam. Isso está bem na linha do tratamento convencional da depressão. As massagens aumentam os níveis naturais de serotonina do corpo. Também estimula o corpo a liberar dopamina e oxitocina.

5. Baixa pressão arterial

As massagens são conhecidas por reduzir a pressão arterial em quantidades significativas, mas apenas temporariamente. O gatilho do sistema nervoso parassimpático do corpo, ajudando o corpo a retornar a um estado de equilíbrio bioquímico e relaxamento emocional após um evento estressante.

6. Restaurar o sono profundo

Cerca de 40-50 milhões de adultos sofrem de privação de sono. Isso é um problema porque mexe com a química natural do corpo, tornando-o mais vulnerável à redução da imunidade, aumento da inflamação e aumento da sensibilidade à dor. A pesquisa mostrou que as massagens podem promover um sono menos perturbado, um sono mais profundo, especialmente em pessoas que têm doenças crônicas como a fibromialgia. As massagens promovem a estimulação do sistema nervoso do corpo para descansar e relaxar (o oposto de lutar ou fugir), dando à pessoa uma chance melhor de experimentar um sono profundo para restaurar os tecidos durante a noite, enquanto permite que o corpo aguente pela manhã.